Casa do Empreendedor celebra cinco anos de atividades com Feira e oferta de crédito em Bananeiras.

A primeira franquia pública do país, instalada em parceria com o Empreender Paraíba, completa cinco anos e como parte da programação será realizada a Feira do Empreendedor, nesta sexta (13) a partir das 8h em frente à Prefeitura Municipal em Bananeiras. O evento contará com a entrega de crédito a 31 empreendedores, cerca de R$ 150 mil.

Com o intuito de fortalecer a economia do município através do apoio aos micro e pequenos empreendedores, foi criado um ambiente favorável a esses negócios, através da qualificação profissional, da desburocratização dos serviços, da facilitação do acesso ao crédito e à informação. Aplicando mais de R$ 2 milhões na microeconomia local, contemplou 631 micro empreendedores em diversos segmentos durante este tempo.

O evento conta com o apoio do Empreender Paraíba, Sebrae, Senai, CDL, Senac e Universidade Federal da Paraíba que são parceiros fundamentais para o fomento ao micro empreendedor local.

O Prefeito Douglas Lucena, destaca que em cinco anos a Casa do Empreendedor tem dado a possibilidade de muitas pessoas se tornarem independentes e construírem seus negócios de forma sólida. Destacou ainda, que a Parceria com o Governo do Estado da Paraíba tem sido o fator determinante para o sucesso das ações da Casa do Empreendedor.

Em um período recente Bananeiras pôde vivenciar avanços muito significativos, num município de realidade cada vez mais exigente tem-se que superar as adversidades, sobretudo as financeiras, para dar respostas rápidas e consistentes, sempre com o intuito de estimular a todos os empreendedores, sem distinção.

Portanto, apresentar um rol de soluções, investimentos e ações, nas diversas áreas da gestão, com impactos diretos e positivos na economia local se constitui num desafio cotidiano.

O programa avançou e desde a sua criação em 2013 até os dias atuais, lançou as bases para um crescimento sólido e modificando de forma muito positiva a vida das pessoas, sobretudo, das que mais precisam.

Ascom-PMB 

COMPARTILHAR